terça-feira, 15 de novembro de 2016

Nem tudo que é caro, é bom

Fala galera! Nem tudo que é caro, dá resultado, isso é uma máxima do mercado, seja ele em qual segmento for. Nessa semana foi divulgado o Global Sports Salaries, que mostra o quanto cada clube gasta com salários mundo afora. O estudo analise 333 times de 17 ligas diferentes em 13 países, equipes essas de sete esportes.

Não é surpresa pra ninguém que equipes dos esportes americanos estejam entre as primeiras da lista, assim como o Manchester United e o Barcelona, mas é surpreendente que não haja uma equipe sequer da NFL entre as 10 primeiras. Das 10 equipes, seis são da NBA, duas da Premier League (os dois times de Manchester), uma da Liga Espanhola (o Barça), e mais o New York Yankees, da MLB.

É interessante notar que nem sempre o alto investimento quer dizer resultado esportivo. Da lista divulgada, apenas Cleveland Cavaliers, Barcelona e Manchester United faturaram títulos em 2016. Se aumentarmos o prazo, pegarmos os últimos cinco anos, além dessas três equipes, somente City e Mavs faturaram algo.

As demais equipes sofrem com a falta de títulos. O Clippers, por exemplo, nunca foi campeão nem mesmo da Conferência Oeste, o Portland não fatura a mesma desde 92 e o Orlando Magic não leva a Conferência Leste desde 2009.

Mas a situação mais estranha é do Memphis Grizzlies, ex-Vancouver. O time do Tennessee não tem em sua história nem mesmo títulos de divisão, que teoricamente são mais fáceis de conquistar, e mesmo assim ocupa a 7ª colocação no ranking dos maiores salários.

Confiram a lista completa abaixo:


Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...