quarta-feira, 11 de maio de 2016

Derek Redmond, exemplo de superação

Fala galera! Jogos Olímpicos em contagem regressiva e toda vez que falamos de Olimpíadas, de superação, de determinação, lembramos de Gabriela Andersen, a maratonista suíça que chegou ao Estádio Olímpico de Los Angeles aos trancos e barrancos, com desidratação e câimbra, para completar a prova na 37ª colocação entre 44 competidoras.

Mas além dela, um outro atleta tem uma linda história de garra e determinação e poucos se lembram. O nome dele é Derek Redmond, atleta britânico campeão europeu e mundial dos 400 metros rasos.

Derek se preparou para os Jogos de 88, em Seul, mas teve que abandonar a competição devido a uma lesão no tendão de aquiles. Faltam menos de dois minutos para o início da sua bateria. Em 91 faturou o Mundial disputado em Tóquio e chegou a Barcelona como favorito para a conquista do ouro.

Tudo corria bem até as semi finais. Redmond tinha feito o melhor tempo da primeira fase e tinha vencido sua bateria pelas quartas de final. Após a largada das semi ele mantinha um bom ritmo, até que chegando próximo aos 150 metros (de um total de 400) veio o estalo e o fim do sonho. O britânico nascido em Buckinghamshire, Inglaterra, acabara de distender os músculos posteriores da coxa. E nesse instante morre o sonho e nasce o mito.

Com dores, mancando, Derek continua a prova, o objetivo é chegar! Faltando poucos metros um senhor invade a pista, dribla os seguranças e lhe oferece apoio. Era seu pai, Jim Redmond.

O filho cai no choro, o pai lhe diz que não é preciso fazer o que estava fazendo, mas Derek insiste e diz que precisa. Foi então que o pai, com a força que um pai deve ter, lhe diz:

- Então vamos terminar isso juntos.

E os Redmonds completaram a prova sob aplauso de mais de 60 mil pessoas que lotavam o Estádio Olímpico de Seul.



Em 2012, durante os Jogos de Londres, Jim foi convidado a ser um dos responsáveis por carregar a tocha olímpica, como gesto de gratidão pelo espírito apresentado em 92.

Conheciam essa história? Compartilhem nas redes sociais e nos ajude a contar muito mais em breve!

Fui!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...