quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Não é um Kia, mas tá bom

Stuttgart, Alemanha, 14 de junho de 2015. Rafael Nadal acaba de vencer o ATP 250 local batendo na decisão o sérvio Victor Troicki por 2 a 0, com parciais de 7/6 e 6/3 em 1 hora e 26 minutos de partida. Além do título e dos pontos no ranking, o espanhol quebrou um jejum de cinco anos sem título em torneios disputados na grama. Seu último triunfo havia sido em Wimbledon no ano de 2010.

Até aí nada de estranho, Nadal é um dos maiores da história e o fato de não vencer na grama por alguns anos não mudaria em nada o seu fabuloso retrospecto.

O que chama a atenção de verdade é a premiação. O torneio é patrocinado pela alemã Mercedes-Benz, uma das maiores montadoras do mundo, atual bicampeã da Fórmula 1, inclusive. Como é de praxe nesse tipo de torneio, os vencedores levam, além de uma bela bolada em dinheiro, um carro do patrocinador, e assim aconteceu com Rafael Nadal.

O detalhe que transforma um simples momento de festa em comicidade, é que ao receber o “presentinho” da Mercedes, o espanhol, patrocinado pela Kia – gigante coreana e concorrente  da patrocinadora alemã – agradece aos organizadores e emenda ao microfone:
- Não é um Kia, mas está bom. Eu não sei se posso mudar a cor, ela é demais para mim.

E com muito bom humor, o representante da Mercedes respondeu:
- Não tem problema, temos muitas cores e podemos fazer algo a esse respeito.

Pra delírio da torcida que levou a gafe como um momento de descontração. Será que depois dessa Nadal será convidado mais uma vez para Stuttgart?

Vamos aguardar o mês de junho!


Fui!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...