segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

O Jogo da Ressaca

Primeiro de Janeiro todo mundo em casa se recuperando da balada do réveillon certo? Errado, para os ingleses o primeiro dia do ano é dia de ir ao estádio pra apoiar o seu clube de coração, mesmo que esse clube seja da segunda divisão.

Estamos  falando do Brighton and Hove Albion FC, time da cidade de Brighton que fica a uma hora de Londres. Um time que nunca disputou a primeira divisão da Inglaterra mas que esse ano faz a melhor campanha da sua história, alimentando as esperanças dos torcedores de um acesso ao fim da temporada.

Invictos por 21 rodadas, 11 vitórias e 10 empates, o time liderou boa parte do campeonato até perder do tradicional Middlesbrough em casa há 3 rodadas, desde então o Brighton não venceu mais e caiu para a 4ª posição.

Mesmo assim resolvi fazer parte dessa campanha e ir ao estádio apoiar o time contra o Wolverhamptom. Comprei meu ingresso pela internet faltando algumas horas para a partida. Como em todos os jogos o ingresso dá direito a transporte gratuito de trem ou ônibus para o estádio, enquanto quem vai de carro paga um estacionamento bem salgado, logo a maioria prefere o transporte público e assim evitam os famosos engarrafamentos antes e após as partidas. Basta mostrar o email de confirmação da compra para  o motorista ou fiscal e pronto, sua passagem está liberada.

Resolvi ir de trem e logo percebi que a torcida compareceria em peso, todos no trem usando gorro e cachecol do clube, já que o frio de 7 graus impedia o uso apenas da camisa. Nessa altura eu já estava ficando preocupado com a fila que iria enfrentar para retirar o ingresso na bilheteria.

Chegando lá, para minha surpresa, 2 guichês separados para retirada divididos pelo sobrenome do comprador e sem nenhuma fila! Mostrei o celular com o email da compra o atendente perguntou o sobrenome e o meu endereço e pronto, me entregou um envelope com meu nome e o ingresso dentro. Ao lado da bilheteria um mapa pra saber em qual setor deveria entrar. Se tivesse alguma dificuldade era só perguntar aos auxiliares de fila que eles te indicam como proceder.

Achei meu portão, passei meu ingresso no leitor e já estava na área dos bares, que estranhamente estava lotada enquanto o time se aquecia no gramado. Os torcedores acompanhavam o aquecimento por tvs. Comprei uma cerveja e ia em direção ao meu assento quando fui barrado educadamente por um segurança dizendo que não podia entrar com bebida alcoólica na arquibancada. Tava explicado porque o bar estava tão cheio.

Quando cheguei ao meu confortável assento, a 4 passos da linha lateral, comecei a reparar o quão moderno e bem estruturado era o estádio para um time cujo maior titulo foi vencer a terceira divisão. Área VIP, assentos almofadados, 2 telões mostrando replay dos lances principais, enfim melhor que a maioria dos estádios dos clubes de primeira divisão no Brasil. Talvez isso explique também porque 26.321 pessoas foram ao Amex Stadium no primeiro dia do ano para ver um jogo da segundona...

Com relação ao jogo, um primeiro tempo bem morno. Num lance despretensioso, aos 32 minutos, um cruzamento que ia na mão do goleiro foi desviado pelo zagueiro e tava lá, gol contra do Brighton para o espanto da torcida que olhava incrédula para o gramado. Torcida que eu esperava ser mais animada, em sua maior parte parecia torcida de seleção brasileira, muita família e poucos canticos de apoio, apenas atrás do gol parecia ter uma torcida organizada que agitava o restante do estádio a apoiar os jogadores.

Depois do intervalo o time voltou bem melhor, mas mesmo com bola na trave e o goleiro atravessando o campo no ultimo minuto para tentar um gol num escanteio, a retranca dos Wolves conseguiu segurar o 1 a 0.

Com o placar o Brighton continuou na quarta posição na tabela da segunda divisão, onde os 2 primeiros sobem diretamente e o 3º, 4º, 5º e 6º disputam mata-mata para decidir qual será o terceiro time a conseguir o acesso. Então continuamos firme na luta, ôôô vamo subir Brighton!!

Abraços!

* Pablo Cunha
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...