quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Inimigo Oculto 2015

Fala galera! Como diria Simone em seu mais famoso CD: "então é natal...". Pois é, hoje são 25 de dezembro, dia em que o mundo cristão comemora o natal, dia do nascimento de Cristo. Mas como nosso assunto não é religião, é esporte e zoeira, vamos misturar esses dois e fazer o nosso Inimigo Oculto 2015.

A ideia partiu do meu amigo Luiz Felipe Furtado, que vez ou outra escreve para o Resenha Esportiva, mas como é tricolor, vou deixá-lo de castigo e não vai participar da zoeira. O jogo é simples, um torcedor de um dos quatro grandes do Rio sorteou um time rival para "homenagear" e vocês vão ter que descobrir qual time que ele tirou.

Quem começa a brincadeira é meu amigo Paulão, Tricolor das Laranjeiras e nas horas vagas, professor. Diz aí as características do seu Rival Oculto.

"Meu inimigo oculto não sabe contar, confunde 5 com 6. Quando ele joga, a cidade fica em paz, mas quando perde, é prudente não sair nas ruas. Sua mamãe manda no futebol e quando encontra seu pai, 'é um ai Jesus'!"

Chegou a minha vez, flamenguista flanático e apaixonado por esportes, e como sou o criador do blog, não vou me zoar :P

"O meu Inimigo Oculto já foi grande um dia, mas se fosse do tamanho que pensa que é, o Real Madrid lamberia seus pés. Virou saco de pancada (e de risada) do futebol carioca nos últimos anos, seu maior rival na cidade maravilhosa talvez seja o Olaria ou o Bangu. Quando o assunto é futebol nacional, seus principais jogos são contra o Sampaio Correa, o Luverdense e o Tupi, e sempre em partidas emocionantes. Melhor eu parar por aqui, todos já devem saber, afinal, o respeito voltou. Ponto."


Acertaram o anterior? Então hora do vascaíno e aspone, Osmar Sexto, falar quem é o seu Rival Oculto. Bora lá menino Osmar!

"O que meu inimigo oculto tem de idade, ele não tem de títulos. Só está entre os líderes se a competição for "times mais zoados do país". É o verdadeiro golfinho: todo início de ano gosta de fazer uma graça, dá um fio de esperança pro seu torcedor, chega lá em cima, mas o final da história é sempre o mesmo: afunda. Já fez algumas viagens para a série B e a próxima não deve estar tão longe. Está entre a quarta ou quinta força do Rio. Seus torcedores vivem de museu e seu único trunfo é falar que serviu muito a seleção brasileira."

E quem continua a brincadeira é o botafoguense, ex-blogueiro do Resenha Esportiva, atualmente aposentado pelo INSS, Carlos. Será que o rival dele é fácil de descobrir?

"Meu inimigo oculto pensa ser grande, acha que cresceu, mas na verdade é a quarta força do Rio.  Deu sorte por ficar alguns anos em evidencia, pois achou um mecenas que mandava no clube.  É o famoso clube 'come sardinha e arrota caviar'. Vive falando em enfrentar o Barcelona, mas precisa antes resolver pendencias contra o Luverdense."

E aí? Mataram as quatro charadas? Deixem as respostas nos comentários!

Um feliz natal para todos vocês!

Fui!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

2 comentários:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...