segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

E se o Náutico tivesse marcado o gol de pênalti...

Fala galera! Outro dia vi um documentário sobre a épica Batalha dos Aflitos, e durante o momento mais tenso da partida, quando o lateral esquerdo Ademar caminha para a bola para cobrar um pênalti para o Náutico, aos 59 minutos do segundo tempo, com o jogo 0x0 ainda, eu imaginei o que poderia ser do futuro do futebol brasileiro se a bola entrasse...

Vamos fazer uma exercício de imaginação... Ademar cobrou, a bola entrou, Náutico 1x0 no placar com 10 jogadores em campo contra 7 do Grêmio. O jogo já nos acréscimos já que ficou parado por muito tempo antes da cobrança da penalidade. Será que o jogo terminaria ou o Grêmio mandaria algum jogador cair no gramado para encerrar precocemente?

Com a vitória do clube pernambucano, o Náutico garante o acesso à Série A de 2006, o Grêmio fica mais um ano na B. Em virtude disso o Grêmio não termina 2006 em terceiro na Série A, não se garante na Libertadores de 2007, competição que havia sido vice-campeão.


E se a bola entra?
Como consequência, Mano Menezes, então treinador do clube gaúcho não se destaca e não é contratado pelo Corinthians em 2008, não é campeão da Copa do Brasil em 2009 e nem conhece Andrés Sanchez, consequentemente não vira treinador da Seleção Brasileira após a Copa de 2010.

Anderson e Lucas Leiva também não ficam famosos, não vão para a Europa, não jogam as Olimpíadas de 2008... tudo muda.

O que será que aconteceria com a Seleção após 2010? O que será que aconteceria com o Grêmio ficando mais um ano na Série B? Qual seria o futuro de Mano Menezes (o bom é que ele não teria passado pelo Flamengo)? Tudo é exercício de imaginação, como falei lá em cima, e agora é com vocês... como vocês imaginam que estariam esses personagens de uma das maiores batalhas do futebol brasileiro?

Deixem nos comentários.

Fui!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...