quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Carta ao bom velhinho - Vasco

Querido Papai Noel,

Nem sei se eu deveria te chamar de querido, mas vou chamar. Vou acreditar que o senhor não leu a cartinha que mandei no ano passado e que por isso não aconteceu o que eu pedi. Eu não pedi demais, sejamos sinceros. Como o senhor não deve ter lido, entre nesse link acima que poderá constatar que meus pedidos foram humildes e de fácil realização. "Só peço que o caminho seja encontrado novamente", "um time razoável, combatente e que não brigue para não ser rebaixado" e "o meio da tabela, no ano que vem, já me satisfaz" eram pedidos plausíveis da minha cartinha, que não foram atendidos =(

Agora não adianta chorar pelo leite derramado. O estrago já foi feito e meu time voltou a frequentar a temida Série B, pela 3º vez nos últimos 7 anos. Hoje tenho que te pedir uma contratação, eu sei. Mas antes disso, vou facilitar sua vida. Vou pedir que o senhor faça uma barca enorme e mande pra bem longe de São Januário. Sem nem pensar duas vezes, essa barca será muito democrática: tem branco, tem negro, tem alto, tem baixo, tem goleiro, tem atacante, tem brasileiro, tem estrangeiro... Se o senhor quiser ajuda, já posso até adiantar alguns nomes: Alessandro, Christianno, Aislan, Bruno Telles, Jean Patrick, Julio dos Santos, Diguinho, Riascos, Emanuel Biancucchi, Seymour, Herrera, Fernandão, Thalles, Éder Luís e Jorge Henrique já formariam um bom início de barca. Convenhamos que 43 jogadores num plantel é um tanto quanto absurdo, né?

Bom, agora que já te ajudei, bom velhinho, a antecipar a barca vascaína, já liberei um pouco de espaço no plantel e dei uma folga na folha salarial, chegou a hora de pedir minha contratação. Antes de mais nada, não me venha o senhor com gracinhas, espero que Nenê, Luan e Martin Silva sejam mantidos no time, hein? Eles ainda estão sob contrato, então é o mínimo que se espera. Poderia pedir por um técnico que colocasse casa na ordem, assim como fez o Senra ao pedir pelo Fluminense, mas acho que a dobradinha Jorginho e Zinho funcionou, então menos um problema.

É muito difícil ser pontual e escolher uma única contratação sabendo que o time tem deficiências em praticamente todas as posições. Acreditando que manteremos um goleiro, um zagueiro e um meio campo de confiança (já pedi pela manutenção de Martin, Luan e Nenê ali em cima, não vou ser repetitivo, fique tranquilo), só me resta mesmo pedir pela contratação de um atacante, um digno centro-avante, aquele camisa 9 que bota a bola pra dentro (ou pelo menos tenta, já vai ser melhor que nesse ano). Não vejo muitas opções no mercado, não posso sonhar com um Gabigol, Ricardo Oliveira, Fred, Guerrero, Pato... Não que eu quisesse algum deles, mas temos que encarar a realidade que é jogar a série B. Vou facilitar novamente: vou dar uma lista com 4 nomes que acho pareados, tanto em termos de técnica quanto de salário e vou deixar que o senhor escolha o que pode nos dar mais alegrias: Erik (Goiás), Borges (Ponte Preta), Damião (ex-Cruzeiro, mas que acho que está praticamente certo em retornar ao Internacional) ou Henrique Almeida (Coritiba). Quem sabe o senhor não aproveita que minha cartinhad o ano passado não foi lida e manda logo dois desses daí? Não deve ser fácil trocar a 1ª pela 2ª divisão, mas vamos pensar pelo lado de se jogar em um time com mais história, reconhecimento e status (será?). Quem sabe alguém não se convence (e me convence).

Boa viagem, bom velhinho!

Até o ano que vem!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

Um comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...