quinta-feira, 14 de agosto de 2014

La Mano de Dios me Libre

Fala galera! Um dos lances mais famosos e polêmicos da história das Copas do Mundo é o gol de mão de Diego Armando Maradona, em partida contra a Inglaterra, pelas quartas de final da Copa de 86, disputada no México.

O tento ficou conhecido como "La Mano de Dios", forma como Maradona se referia ao ser questionado se o gol havia sido marcado com as mãos.
Maradona e Kuznetsov trocam as flâmulas;
Minutos depois os dois protagonizariam
outra cena marcante

O que pouca gente sabe é que em 1990 a cena se repetiria, e dessa vez não para marcar, mas para evitar um gol contra a Argentina.

Nossos hermanos haviam perdido a partida de estréia contra Camarões, por 1x0, e precisavam da vitória contra a União Soviética para continuarem no páreo em busca do bicampeonato. Logo aos 11 minutos a Argentina sofreu um baque com a lesão que afastou Pumpido, goleiro titular na campanha do título de 86, do restante do torneio. Ao sair para "abafar" a jogada, o goleirão se chocou com o zagueiro Olarticoechea e fraturou a perna direita.

Minutos depois, após escanteio cobrado pela esquerda, aconteceria o lance que mudaria o destino da Copa de 1990...

A União Soviética cobra no primeiro pau, Kuznetsov, o capitão soviético, desvia de cabeça a bola que vai em direção ao gol, Maradona fechava a trave e tira, com o braço, o que poderia ser o gol da equipe de Protasov e Shalimov. O juizão sueco, Erik Fredriksson, que estava ao lado do lance, ignorou e deixou a partida seguir.


Troglio e Burruchaga marcaria os gols da vitória hermana, mas esse lance, que é praticamente esquecido pelo torcedor, mudou o rumo da história, já que até mesmo um empate eliminaria a Argentina ainda na primeira fase e em caso de eliminação não teríamos o confronto de Turim contra o Brasil pelas oitavas de final, partida que eliminou a boa seleção canarinho daquele Mundial.

Depois dessa, a Mão de Deus ganha mais um "sobrenome", e o mínimo que podemos chamá-la é de Mão de Deus me Livre, ou em bom castelhano, La Mano de Dios me Libre...

Fui!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...