terça-feira, 29 de outubro de 2013

Ganhando o mando

Fala galera! Fim de campeonato chegando e além dos candidatos ao título, Libertadores e times que lutam contra o rebaixamento, um dos assuntos que mais aparecem na imprensa brasileira é sobre os clubes que perderam mando de campo na reta final do Brasileirão.

Primeiro foi Vasco e Corínthians, depois veio o São Paulo, ainda teve Goiás, Cruzeiro, Atlético Mineiro, e muitos outros que ou foram punidos ou passaram perto de da punição.

Existe um questionamento enorme em cima dessa decisão, o meu ponto de vista é bem claro, e foi provado durante essa temporada: a perda de mando de campo no Brasil tem efeito contrário.

Sim, os clubes que perderam o mando foram jogar em outros estádios, a maioria deles lotado com torcedores próprios que incentivaram e ajudaram o time a buscar o resultado.

Vasco x Flu em Santa Catarina foi assim, Corínthians x Criciúma em Itu também, sempre com a torcida a favor.
Esse estádio pode ter uma utilidade

Nos moldes que se aplicam essas punições no Brasil, não vejo como forma de prejuízo praticamente nenhum ao clube, até porque o próprio pode definir onde será a partida, desde que seja numa distância superior a 100 km de sua sede.

Muitos amigos acham justa a punição dessa forma, alertam que seria prejuízo ao torcedor se tivermos um estádio sem torcida, como aconteceu com o Timão na Libertadores.

Eu não vejo dessa forma, sinto que o clube tenha que ser punido pelas atitudes dos seus torcedores, afinal ele é responsável pelos atos, e um estádio vazio é uma grande punição ao clube. Uma outra solução que vejo seria pra depois da Copa de 2014. Muito se fala em estádios inutilizados como Cuiabá, Natal e etc.

Porque não agendar essas partidas para esses locais e punir o clube mandante, além da multa padrão (baixíssima por sinal) com os custos de viagem e hospedagem do time visitante? Além disso teríamos uma percentual grande de ingressos que seria trocados por alimentos, roupas e etc, como forma de doação, sem deixar que entre nenhum centavo nos cofres do mandante.

Seria uma saída, meio maluca, mas que de repente funcionaria e ainda ajudaria os mais necessitados.

E pra você? Qual seria a melhor solução? Aguardo os comentários.

Fui!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...