sábado, 14 de setembro de 2013

Oscar é Hall da Fama

Fala galera! Nessa semana o ex-jogador de basquete, Oscar, foi eleito para o Hall da Fama do Basquete, que fica em Springfield, nos Estados Unidos. Antes que venham com piadinha achando que ele jogou com o Homer ou com o Bart, quero deixar claro que essa honraria é considerada a maior que um jogador de basquete pode receber.

Oscar recebe o troféu de Larry Bird
Para se ter uma idéia, antes de Oscar, apenas dois brasileiros faziam parte do Hall: Hortência, que entrou em 2005, e Ubiratan, que entrou em 2010. Ao lado de Oscar, temos nomes como Michael Jordan, Charles Barkley, Phil Jackson, Magic Johnson e o time do Harlem Globetrotters.


Mesmo assim o brasileiro continua a ser questionado por muitos fãs do basquete nacional. Já ouvi muita gente dizendo que "o Oscar só sabia chutar de 3" ou que "Oscar nunca jogou na NBA".

Então vamos repassar alguns números da carreira de Oscar:
* Maior pontuador da história do basquete mundial com 49.703 pontos
* 5 olimpíadas disputadas, sendo o jogador com maior número de pontos na competição, sendo que em 3 edições foi o cestinha
* jogador com maior número de pontos em um jogo de Olimpíadas (55 contra a Espanha em 88) e de Mundial (52 contra a Austrália em 90)
* 90 lances livres seguidos convertidos quando atuava pelo Flamengo
* mais vezes cestinha na Itália, 8 vezes quando atuou pelo Caserta e pelo Pavia

Além disso conquistou pela Seleção o Pan de 87, um marco no basquete brasileiro e talvez mundial, e levou a medalha de bronze no Mundial de 78. Também foi campeão mundial de clubes pelo Sírio, até hoje o único brasileiro a vencer o torneio.

Não jogou na NBA, mas porque não quis. Na época recebeu várias propostas, porém o basquete era considerado um esporte amador, portanto quem atuava na NBA, a única liga profissional do mundo até o início dos anos 90, não poderia nunca mais vestir a camisa da seleção.

O que Oscar fez? Foi pra NBA? Não... preferiu continuar com a nossa Seleção, nos levando ainda pra mais duas Olimpíadas antes da grande seca que vivemos...

Falar que foi o maior jogador de todos os tempos talvez seja exagerado, mas não colocá-lo como um dos maiores é um excesso de contrariedade...

Oscar é sim, um dos maiores, e como ele mesmo gosta de dizer: afinal, tenho 2m05.

E viva Oscar, e viva o basquete brasileiro.

Por hoje é só.

Fui!

Facebook: www.facebook.com/ResenhaEsportiva
Twitter: www.twitter.com/resportiva
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...