segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Vira-casaca

Fala galera! Fim de ano é paradeira total na televisão, salvo uma rodada do inglês aqui, uma retrospecitva esportiva ali, e o que temos pra falar é das peladas de fim de ano dos jogadores. Pois é... jogador de futebol é um bicho muito estranho... quando estamos de férias buscamos algo que não lembre em nada nosso trabalho, pra eles é diferente, quando estão de férias... jogam bola!

Só nessa última semana tivemos o Jogo contra a Pobreza (que inclusive foi tema do Resenha Esportiva), teve o Amigos do Deco x Amigos do Caio Ribeiro, teve um jogo do Dedé com o Diego Souza em Volta Redonda, até de Futsal teve peladinha, com direito a gol antológico de Falcão, mas nenhuma delas chamou tanta atenção quanto o joguinho que o volante são-paulino Denílson organizou na Paraíba.

Entre os convidados dessa vez estavam Hulk (que é co-organizador do evento), Marcelinho Paraíba e o corintiano Jorge Henrique, e foi com ele a maior polêmica...

Campeão do Mundo recentemente e um dos ídolos da torcida do Parque São Jorge, o baixinho fez parte do time que jogou com a camisa do São Paulo, cedida por Denílson para o amistoso. Ainda teve o cuidado em tampar o escudo da equipe, e deixou bem claro que não fazia aquilo por menosprezo com o rival, mas sim em respeito ao bando de loucos corintiano.


Jorge Henrique (com o escudo tampado), ao lado de
Hulk, Marcelinho Paraíba e Denílson
Não adiantou...

Após a partida, mesmo comemorado seu gol com os torcedores do Timão, uma chuva de críticas apareceu em seu twitter. Corintianos do Brasil todo metendo a malha pelo fato do jogador ter usado a camisa rival. Esquecendo que o objetivo da festa era totalmente filantrópico, não era uma disputa entre as equipes. Esquecendo também que Jorge Henrique acabou de dar o sangue pelo time no Japão, trazendo um troféu que há muito tempo os torcedores esperavam.

Não sou fã do jogador, nunca fui, o acho de mediano pra ruim, e um cai-cai danado, mas não posso compartilhar com a idéia de criticarem o cara pelo ato, pelo contrário, devo elogiar a postura e a coragem.

Jorge Henrique não errou, acertou e muito, e a torcida, ou melhor, os poucos manés que o criticaram, deveriam aproveitar o fim do ano pra repensarem o que fizeram, afinal, por mais que sejamos apaixonados por um clube, devemos colocar o interesse humano acima da paixão.

Esporte é vida, é saúde, não é violência. Compartilhe essa idéia em nosso Facebook também!

Fui!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

2 comentários:

  1. Luiz,

    desejo a você e a seus familiares um FELIZ NATAL e um ANO NOVO repleto de boas realizações...

    abs...

    blog POR DENTRO DOS BOXES
    http://pordentrodosboxes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Luiz,

    só estou passando para deseja a você, sua fámilia e seus leitores um FELIZ NATAL e um ANO NOVO com muita paz, saúde e amor.

    Um abrço.

    BLOG DO CLEBER SOARES
    clebersoares.blogspot.com

    SOMOS FLAMENGO
    somosflamengo33.blogpsot.com

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...