sexta-feira, 5 de outubro de 2012

FIFA 13 - A resenha


Fala pessoal!

Hoje vim pra falar do recém lançado FIFA 13! Não vou fazer a famosa comparação entre FIFA e PES, porque além de não ser a idéia do post, geraria mais polêmica do que necessário. Mas então por que vou falar do FIFA e não do PES? Simplesmente pelo fato de ser o jogo de futebol que escolhi pra jogar neste ano. Logo eu, que jogo PES desde o Winning Eleven 3. Ano passado já havia trocado o PES12 pelo FIFA 12 (até fiz um post sobre a final mundial de FIFA 12, no FIWC). Esse ano, depois de analisar ambos os demos, mantive a mesma posição e optei pelo FIFA 13. Mas é aquela história: não tem o melhor nem pior, tem o que você se sente mais à vontade pra jogar. Essa escolha é igual nariz, cada um tem um e pronto. Fica inclusive a deixa para, caso um dos redatores do Resenha Esportiva jogue PES, fazer uma resenha sobre o jogo.

Primeiro, falando da engine (jogabilidade), o FIFA13 continua muito parecido com o FIFA12, afinal de contas, como já dizia aquela velha máxima, "em time que se ganha, não se mexe". Melhoraram sim, como sempre, a inteligência artificial dos jogadores. Agora os goleiros, finalmente, estão defendendo mais, pegando até pensamento em algumas ocasiões. Os atacantes não são mais tão "burros" e conseguem fazer muito bem a linha de impedimento - que passou a se tornar um fato bem mais raro do que nas outras edições. O domínio da bola agora não está mais tão perfeito quanto antes. Dependendo do jogador que recebe um lançamento longo, por exemplo, a bola pode ser dominada e escapar um pouco do controle. E você consegue usar seus zagueiros para fazer uma certa pressão nos atacantes, até mesmo antes de uma cobrança de falta ou escanteio ser cobrada pra área, por exemplo. E tem mais: quando você está defendendo uma cobrança de falta, você consegue até fazer com que sua barreira se adiante, correndo o risco de tomar um cartão amarelo se for muito descarado, é claro. Ficou bem legal!

Aquela seção de treinamentos e tutoriais ficou muito mais elaborada. Até mesmo pra quem já tem familiaridade com a série, ficou interessante. São vários tutoriais e dificuldades para se aprender bem as técnicas de finalizações, dribles, cobrança de faltas, cobrança de pênaltis  marcação, passes curtos, passes longos e afins.

O pessoal da EA Sports investiu bastante na parte online. Agora você pode jogar, no FIFA13, as partidas importantes da semana real. Vamos supor que nessa semana tenha um Fla-Flu ou um jogo importante pela Liga dos Campeões. Você pode simular e jogar esse jogo lá, com as escalações oficiais e tudo mais. Além disso, tem o modo "Temporada" onde você joga online contra adversários do mundo inteiro, alterna entre 10 possíveis divisões (dependendo do seu nível e do nº de vitórias), coleciona títulos, pontos, troféus e muito mais. E tem mais: a EA disponibilizou apps para smartphones e tablets para que você acompanhe seu time em tempo real, participando de leilões e contratações de novos jogadores, por exemplo.

O famoso modo Carreira (antigo Master League) também foi aperfeiçoado. Nele você escolhe controlar uma equipe (ou um único jogador) e vive a temporada inteira de um time. Controla as finanças, as contratações, o investimento no time de base, olheiros. E o mais legal, que é uma novidade desta edição: você pode ser sondado e controlar também uma Seleção (ao mesmo tempo em que tiver controlando um clube). Você participa das eliminatórias, faz as convocações, Copa do Mundo e tudo mais. Muito interessante. Eu criei uma "Carreira" pra mim com a Udinese e já estou sendo sondado para treinar a Jamaica ou Paraguai, hahaha :P

Por último, mas não menos importante, ainda temos a boa narração (oficial) de Tiago Leifert e Caio Ribeiro. É um plus pra quem curte uma diversão extra na hora das partidas.

Bom, vou parar por aqui pra não ficar muito (mais) extenso. Se eu descobrir mais novidades interessantes (o que é bem provável) e que valham um novo post, eu volto novamente pra falar deste assunto. Como falei no início do post, fica aberto o espaço para algum colaborador falar também das novidades do PES. É interessante ser imparcial e comentar as boas funcionalidades de cada um pois, como todos sabem, quem tem PES vai falar pra Deus e o mundo que o PES é melhor e quem tem Fifa, idem.

Vocês - postadores e leitores do Resenha - ainda jogam algum desses jogos? Tem algo legal pra falar deles? Fiquem à vontade, o espaço dos comentários é de vocês!

Até a próxima!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

2 comentários:

  1. A jogabilidade tá ficando cada vez mais real a cada versão. O jogo não consiste mais em só entrar com o time em jogar.

    Ah, toma cuidado com essas seleções medianas, viu?? =P

    ResponderExcluir
  2. Eu tenho o Fifa 11, antes dele sempre preferi o PES também, mas depois dele, PES nunca mais.

    Costumo dizer que existe um divisão entre eles hoje em dia: O Fifa é pra profissional, o PES é pra amador.

    Outra comparação que faço na jogabilidade: o Fifa é redondo e o PES é quadrado.

    Acredito que a Konami deve ter diminuído essa diferença entre eles, mas não deve ter resolvido o problema todo ainda... assim que puder comprarei o Fifa 2013!

    OBS.: Tiago Leifert já chato apresentando, imagina narrando...

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...