quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Rugby

Já faz algum tempo que queria falar desse esporte, e vou aproveitar a oportunidade para escrever a respeito dele rapidamente. Para quem não sabe, durante o período de 9 de setembro a 23 de outubro ocorre a sétima edição da Copa do Mundo de Rugby. Esse esporte que cresce ainda de forma tímida no Brasil, mas já contando com a Topper como principal incentivadora, é bastante popular em outros países.

Muitas vezes confundido com o futebol americano, o rugby tem as suas peculiaridades que o tornam atraentes, como por exemplo, a proibição de passes para frente. Entre os principais expoentes do esporte está a Austrália, a África do Sul, os países do Reino Unido e a Nova Zelândia, considerada o país do rugby e que sedia a edição do Mundial de 2011.

Os neozelandeses, diga-se de passagem, são também conhecidos pela Haka, uma dança de guerra Maori que é realizada antes de cada partida diante do adversário, e é vista como cartão de visita dos All Blacks. Apesar de serem a grande referência do esporte, a Nova Zelândia não conquista o título mundial desde 1987, quando sediou a primeira edição do evento em conjunto com a Austrália. Desde então não conseguiram subir no degrau mais alto do pódio, mas sempre chegando na fase semi-final, à exceção da última edição, em 2007.

A edição de 1995 ficou marcada pela primeira participação da África do Sul após o Apartheid. Tendo os africanos como sede, foi tema do filme Invictus (2009) e conta como Nelson Mandela usou o rugby, esporte predominantemente praticado por brancos, como ferramenta política de inclusão.

Com o tempo eu escrevo mais a respeito, por hora fiquem o Haka dos neozelandeses.

Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

5 comentários:

  1. Cara, eu acho que é o contrário, no Rugby não se pode passar pra frente, somente para o lado ou pra trás.

    Tem um conhecido que morou muito tempo em Toulouse (França) e certa vez pedi para conseguir uma camisa do Toulouse (do futebol) pra mim e ele me disse: aqui não se fala em futebol, o esporte predominante da região é o Rugby.

    Sinal de que em muitos lugares é o esporte mais forte realmente, e o Toulouse é uma prova real, pois é um dos clubes mais vencedores da Copa Heineken, uma das maiores competições entre clubes do mundo.

    Agora, uma coisa que você citou e eu aconselho muito, é sobre o filme Invictus. Já vi 2 vezes, é um filmaço tanto pra quem gosta de história quanto pra quem gosta de esporte, muito bom mesmo!

    ResponderExcluir
  2. @Luiz Paulo Knop: É verdade, falha aqui... Eu misturei as informações, realmente o que não pode é passe para FRENTE... hehehe...

    O esporte é forte mundialmente, a Copa do Mundo de rugby é o terceiro evento esportivo mais assistido, atrás dos Jogos Olímpicos e a Copa do Mundo de futebol (essa informação eu li, mas tenho minhas duvidas, porque não sei se Jogos Olímpicos nesse caso são considerados só os de verão ou conta com os de inverno que são bem assistidos também).

    ResponderExcluir
  3. Uma pergunta? ele é esporte olímpico?
    Nunca assiste uma partida na tv, mas qualquer dia destes irei ver. Quem sabe a final do Mundial? Sabe em qual canal está passando?

    ResponderExcluir
  4. @Carlos Bazaga
    Acho que o Rugby já foi esporte olimpico, mas não é mais. Em 2016 ele entra no cronograma no Rio como esporte demonstração, sem valer para o quadro de medalhas.

    A ESPN está passando os jogos da Copa do Mundo de Rugby.

    ResponderExcluir
  5. @Carlos Bazaga
    @Luiz Paulo Knop
    Já foi esporte olímpico nos primórdios dos jogos, em 4 das 7 primeiras edições.
    Nos Joogos de 2016 a modalidade que vai entrar vai ser o Rugby Sevens, que conta com algumas peculiaridades, como o número de jogadores (sete, em vez de 15), tempo de jogo reduzido, entre outras...

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...