segunda-feira, 8 de novembro de 2010

E se... Parte 3

Continuando nossa fantástica viagem. Caso não saiba do que estou falando relembre as edições anteriores.
Parte 1 - http://esporteresenha.blogspot.com/2010/10/e-se-parte-1.html
Parte 2 - http://esporteresenha.blogspot.com/2010/10/e-se-parte-2.html

1962 - Vitória da esquerda pela esquerda

Na vida real mesmo com Pelé machucado o Brasil foi campeão. Então não imaginemos uma Copa com Pelé participando em todos os jogos porque talvez o resultado fosse o mesmo.
Vamos à primeira fase. No último jogo a seleção tinha uma verdadeira decisão contra a Espanha. Saiu perdendo, virou e se classificou para a fase final. Mas um lance curioso entrou para a história. Ao derrubar um atleta espanhol dentro da área, nosso grande lateral esquerdo Nilton Santos deu os famosos dois passos para fora da área iludindo o árbitro que marcou falta fora da área. Mas... e SE a enciclopédia não tivesse ludibriado a arbitragem? e SE houvesse o pênalti. Perdendo por 2 a 0 a seleção entraria em parafuso. Apoiado pelos chilenos a Espanha cozinha o jogo, simula faltas e irrita os brasileiros. Garrincha acabaria expulso e o Brasil toma o terceiro gol no final do jogo selando a desclassificação.

Na fase final não houve uma super seleção. Com vitórias supreendentes como contra a atual campeã Hungria, a Tchecoslováquia enfrentou na final a atual campeã européia URSS. Abalada com a vitória húngara em 58 a URSS respondeu dentro de campo vencendo na final da Euro 60 a seleção húngara. Na final de 62, um grande jogo e a primeira Copa de sua história simbolizando a primeira grande vitória do mundo comunista em resposta à vitória capitalista de 58 calando Pinochet e os ditadores de direita da América Latina.

1966 - A bola entrou!

Todo mundo diz que a participação brasileira em 1966 foi ridícula. Preparação mal feita, incontáveis convocações, erros de datilografia, jogadores convocados no tapetão etc. Então mesmo SE Pelé não fosse caçado em campo contra Portugal o Brasil não passaria da primeira fase. Em compensação Portugal se arriscaria muito mais em campo desgastando-se muito mais.

Com maior desgaste a seleção portuguesa não teria pernas para virar o incrível 3 a 0 que a Coreia do Norte abriu nas quartas de final. Era a primeira vez que uma seleção asiática chegava às semi finais de uma Copa.

Nas semi a Inglaterra vence fácil os coreanos chegando à final como ampla favorita. A certeza do título era tanta que os ingleses já exibiam antes mesmo da final fotos dos jogadores erguendo a taça. Só que esqueceram de avisar os alemães que com muita garra venceram os ingleses com gol no último minuto. Um gol polêmico até hoje contestados pelos ingleses. Mesmo com a tecnologia de hoje em dia não se consegue concluir se realmente a bola entrou. A única certeza é que depois dessa derrota a paixão dos ingleses pelo esporte diminui significativamente.

1970 - Não há a SE que mude essa história

A Copa de 70... O show dos brasileiros. Tentar mudar algo seria um sacrilégio. Então vamos apenas melhorá-la. E SE Pelé tivesse marcado seus 3 quase gols mais famosos da história. O chute de meio de campo contra a Tchecoslováquia, o chute de primeiro após reposição de bola do goleiro uruguaio Marzukiévisqui (não estou afim de googlar e descobrir como se escreve o nome do goleiro) e a meia lua contra o mesmo Marzuzão.

Abalado pelas suas más atuações nas Copas de 1962 e 1966 o Rei resolve mostrar para o Mundo que sua carreira ainda não havia acabado. Com direito a 11 golaços o Rei se torna o maior artilheiro em uma só edição e a seleção goleia a Itália na final por 4 a 1

Até a parte 4 com 74, 78 e 82
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

3 comentários:

  1. Um outro SE que poderia ter acontecido em 70: a Alemanha vencendo a Itália na semi. Seria o primeiro encontro dos dois maiores vencedores da história.

    ResponderExcluir
  2. Só que nessa ocasião ainda não seriam os maiores vencedores da história, pois Uruguai e Itália tinham mais títulos que a Alemanha, então... Brasil x Itália, foi o confronto de dois dos maiores vencedores até então hehehe

    ResponderExcluir
  3. É verdade, mas nessa história do SE, a Hungria é que teria mais títulos, 3 no total. O Brasil conseguiria o 3º em 70. A Alemanha teria 1, de 1966.

    O grande encontro nesse caso seria contra a Hungria, repetindo a final de 58 com título dividido.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...