quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Filé de Mariposa

Fala galera, agora a moda é falar do Neymar, então vou entrar nessa onda e dar minha opinião sobre esse futuro ex-jogador de futebol e promissor artista circense.

Como eu sempre costumo brincar (falando sério) jogadores como Denilson, Robinho e Ronaldinho Gaúcho (o que tá jogando hoje, não é o do Barcelona) deveriam ir para o circo e não jogar futebol, pois fazem malabarismo com a bola e são pouco objetivos dentro do gramado. Neymar tende a ser mais um dessa leva, com um fator que os outros não tiveram, é celebridade desde criança.

Lembro de uma pelada de fim de ano de Robinho, na época indo para o Real Madrid, em que um garotinho de uns 12 anos, cabelo tingido de loiro, entrou em campo (passou na Record ou na Band e acho que foi no Pacaembu) contra os marmanjões. Era um baixinho magrinho, habilidoso e que já tinha o mesmo empresário de Robinho, estava sendo preparado para ser o sucessor do atacante santista. Esse menino era Neymar.

Mais tarde ele começa a aparecer aos poucos no time principal do Santos e chega a ser comparado pelo então treinador Luxemburgo a um filé de borboleta, por causa de seu físico, muito magro e sem força muscular na ocasião. Em 2010 se destaca ao lado de Ganso (qualquer semelhança com Robinho e Diego é mera coincidência), o craque que conduziu o time nas conquistas do Paulista e da Copa do Brasil, e ganha projeção, chega a ser pretendido até pelo Chelsea, não vai, e daí pra frente a polêmica toma conta de sua carreira.

Confusão no jogo contra o Avaí, onde além de ter humilhado (a palavra é essa mesmo, não considero isso arte quando a bola está parada) um colega de profissão ainda foi acusado de falar com os jogadores do time catarinense que era milionário e fazia o queria. Mais uma maneira de mostrar aos fãs o seu despreparo (para um jogador que aparece na mídia desde os 12 anos já deveria ser muito mais maduro).

Uma rodada depois a grande polêmica: depois de sofrer 5 faltas durante uma partida contra o Ceará, em jogo que o Santos foi derrotado fora de casa, o jogador arrumou confusão com o zagueiro adversário João Marcos, confusão essa que começou com um pisão no pé do zagueiro (não me venham falar que o atleta do Ceará começou a confusão porque pra mim quem não aguenta o tranco de uma partida não pode jogar futebol, vai jogar peteca). Após a discussão (vocês já viram isso tudo na tv e não vou comentar sobre isso mais) a imprensa notificou de forma exagerada os comentários "pró-Neymar" dado pelos "imparciais" Dorival Junior, treinador dele no Santos, que declarou haver um rodízio de faltas em cima de seu jogador durante as partidas (lembrando, ele sofreu 5 faltas durante o jogo todo, só o Arouca, do mesmo Santos, fez 4 no time adversário), e Seu Neymar, nada mais nada menos que o pai do jogador.

O papi, além de proibir o filho de usar o Twitter (acho que vou até cancelar o do Resenha, perdeu a graça) ainda diz que o garoto está proibido de dar exclusivas (como ele vai aparecer agora então?) e mostrou que entende muito de futebol ao falar que jogar na Europa seria mais fácil para o filho, já que a marcação lá é por zona (Seu Neymar parou no tempo).

Ora gente... tá na hora de tratarmos os jogadores como homens de verdade, parar com essa superproteção, achar que os caras podem tudo porque são ricos, eles erram também (e nesse caso erra muito) e precisam seguir sozinhos, senão daqui a pouco o filé de borboleta vai ser chamado de filé de mariposa e vai dançar no Balé de Bolchoi.

Fui!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

2 comentários:

  1. Sei não. ontem mais uma polemica. Ta colecionando na semana. Xingou o técnico e o zagueiro Edu Dracena.

    É um excepcional jogador. Acho que até mais do que o Robinho em inicio de carreira. Pois marca muitos gols.

    Mas convenhamos, tá faltando limite ao "garoto". Tá na hora de a diretoria ser mais dura com ele.

    Pode ser tb q ele esteja cavando uma saída do Santos, como fez Robinho. Esquisito, mas bem sugestivo, dado os ultimos acontecimentos.

    O cara xingar o Jr. é brincadeira. Eu tirava na hora. Ainda bem q a torcida do Santos é inteligente e apoiou o ótimo treinador no episódio de ontem.

    Pra não falar que eu só critico e não dou sugestões, se fosse diretor do Santos, obrigaria a acabar com Twitter e daria multa de 30 por cento nos rendimentos dele, pela reicindência.

    O twitter é importante ferramenta de comunicação, entretanto não tem o crivo dos assessores de imprensa, que impedem os jogadores de dizer inumeras bobagens.

    ResponderExcluir
  2. Bom, depois do clamor popular (sic), enfim houve punição ao Neymar!

    Um penoso empate, e parece que ele volta no meio da semana, contra o Corinthians...

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...